fbpx

Abordagens da Psicologia

Início > Blog > Abordagens da Psicologia

Abordagens da Psicologia

Conheça algumas abordagens na Psicologia

Olá prezados leitores, desejo neste breve texto, argumentar sobre as diferentes abordagens psicológicas. Destaco que meu objetivo não será exemplificar todas elas e nem mesmo explicar cada uma, isso demandaria um trabalho muito maior do que este breve e explicativo texto se propõe. Meu intuito é ser sucinto e elucidativo.

Sem mais delongas, esta espetacular ciência não é composta apenas de uma única visão, filosofia ou mesmo área científica. A questão é muito complexa, pois nos remete às origens da ciência psicológica no final do século XIX.

Mas o que vale realmente destacar, é que a psicologia inicialmente foi proveniente da filosofia e posteriormente, muitas personalidades, dentre estes cientistas, filósofos e médicos, foram desenvolvendo este campo do saber cada um à sua maneira.

Alguns se enveredaram mais pelo campo metafísico e outros pela ciência propriamente dita. A verdade é que por isso, ao longo do tempo, muitas teorias psicológicas foram desenvolvidas criando assim, as abordagens psicológicas tal como conhecemos hoje.

Isso significa dizer que há abordagens psicológicas que possuem testagem e comprovação científica e outras que não buscam por meio das comprovações científicas alicerçarem suas teorias.

Penso ser interessante citar as abordagens psicológicas mais praticadas pelos psicólogos em psicologia clínica: A Comportamental; A Terapia Cognitivo-Comportamental; A Psicanalítica (ou Psicanálise); A Psicologia Analítica; A Humanista e a Gestalt. Existem ainda outras, mas essas são as principais, ou ao menos as que mais os caros leitores encontrarão com maior facilidade.

Talvez você esteja se perguntando neste momento: Mas qual serve para mim? Bem, apesar de possuir minhas preferências e minha escolha na Terapia Cognitivo-Comportamental, é correto dizer que não há abordagem melhor ou pior, mais ou menos completa ou menos completa. São variadas abordagens que procuram entender o ser humano, seus processos mentais e comportamentais e que a partir deste entendimento, constroem uma maneira de intervir, ou seja, de auxiliar o cliente com suas necessidades.

Mais adiante produzirei um texto falando mais especificamente da Terapia Cognitivo-Comportamental pra explicar-lhes esta teoria. Por hora espero ao menos ter contribuído com o caro leitor oferecendo-lhe a informação que há várias abordagens na psicologia clínica.

Marcelo Parazzi
Psicólogo Clínico
CRP 06/84357

ARTIGOS RELACIONADOS

O que é depressão

Conhecida atualmente como o “mal do século XXI”, a depressão é uma das condições de saúde mental mais comuns e debilitantes do mundo, e […]

Continuar Lendo

Crise de ansiedade: 5 dicas para controlar um desequilíbrio súbito

As crises de ansiedade já podem ser consideradas um dos maiores males da atualidade.  Hoje em dia, tornou-se praticamente impossível não pertencer a essas […]

Continuar Lendo