fbpx

Como entender e identificar as características da dependência química

Início > Blog > Como entender e identificar as características da dependência química

Como entender e identificar as características da dependência química

O uso de drogas pode ser notado a partir de alterações físicas, comportamentais e psicológicas. Neste artigo você vai descobrir quais são as características da dependência química e seus primeiros sinais.

 

Qualquer droga causa dependência

As drogas, que também são chamadas de entorpecentes ou narcóticos, são substâncias, naturais ou não, que modificam o funcionamento do organismo ou de partes dele.

Algumas variedades de drogas são produzidas a partir do processamento de plantas, como a maconha, que é feita com Cannabis sativa, e o ópio, proveniente da flor da Papoula. 

Outras drogas são produzidas em laboratórios e são chamadas de drogas sintéticas, como as anfetaminas, o ecstasy e o LSD.

Há, ainda, as drogas semissintéticas, como a cocaína, o crack e a morfina.  Todos os tipos de drogas citados causam dependência química e podem levar à morte quando há a overdose.

 

Como notar as características da dependência química

Antes de saber identificar as características da dependência química é importante ressaltar que já é sabido que qualquer pessoa, de qualquer idade, sexo ou status pode usar drogas e se tornar um dependente químico. Mas você já se perguntou em que ponto o uso recreativo se torna um vício?

De forma geral, e como ilustrado no infográfico: Os 7 sinais de que seu familiar pode ser um dependente químico, embora cada droga tenha efeitos distintos em nosso corpo, as características da dependência química podem ser notadas a partir de alterações físicas, comportamentais e psicológicas.

As alterações físicas são mais perceptíveis, no entanto, devemos estar atentos a todos os sinais de alterações comportamentais e psicológicas para detectar a doença e tratá-la corretamente.

 

Alterações físicas

Com relação às alterações físicas, algumas dos sintomas mais comuns notados em um dependente químico podem ser:

  • Vermelhidão dos olhos
  • Pupilas dilatadas
  • Boca seca
  • Narinas escorrendo
  • Alterações rápidas de peso
  • Tremores frequentes
  • Fala lenta ou alterada
  • Sobrancelhas ou outras partes do rosto queimadas
  • Pontas dos dedos amareladas

Alguns dependentes químicos também tendem a se tornar gradativamente mais desleixados com sua imagem pessoal e sua higiene, deixando de se arrumar ou estar apresentável em situações sociais.

 

Alterações emocionais e no comportamento

Por outro lado, dentre as características da dependência química, quando tratamos das alterações no comportamento, podem ocorrer:

  • Diminuição da produtividade do trabalho ou rendimento escolar
  • Aumento de atitudes irresponsáveis
  • Faltas frequentes a compromissos profissionais ou sociais
  • Brigas em casa ou no trabalho
  • Engajamento em atividades que ponham sua própria vida em risco
  • Perda de interesse em amigos e família
  • Pedir dinheiro emprestado com mais frequência
  • Irritabilidade
  • Insônia ou muito sono
  • Diminuição do apetite ou picos de grande apetite
  • Isolamento
  • Endividamento

Alguns dependentes químicos mudam gradativamente seu estilo de vida, vão perdendo contatos, horários, afazeres e os prazeres vão ficando de lado.

 

Artigos Relacionados

 

Alterações psicológicas

As alterações psicológicas também são características da dependência química, mas devem ser notadas com mais parcimônia, uma vez que algumas doenças psiquiátricas não relacionadas às drogas, como a esquizofrenia, depressão ou transtorno bipolar, podem apresentar os mesmos sintomas, como:

  • Sentir medo ou ansiedade sem uma razão evidente
  • Mudanças bruscas de personalidade
  • Apresentar momentos repentinos de raiva
  • Menos vontade de fazer atividades diárias

Caso alguns desses sinais sejam perceptíveis em um amigo ou familiar, é importante primeiro buscar informação e ajuda profissional de especialistas em dependência química para que o tratamento adequado seja realizado da forma correta.

 

A droga e os números

De acordo com o Relatório Mundial sobre Drogas de 2023 da UNODC, globalmente, mais de 296 milhões de pessoas usaram drogas em 2021, um aumento de 23% em relação à década anterior.

Além disso, o número de pessoas que sofrem de transtornos associados ao uso de drogas subiu para 39,5 milhões, um aumento de 45% em 10 anos.

 

É preciso dialogar

Mais do que apenas saber identificar as características da dependência química, ao avaliar o aumento no uso dessas substâncias, devemos considerar que o assunto “drogas” ainda é um tabu e não é discutido com a atenção necessária para informar a população sobre suas causas, sintomas, tratamento e consequências.

No âmbito familiar, devido ao preconceito, ao medo da exposição e julgamento da sociedade em conjunto com a desinformação e a insegurança, a família não busca ajuda profissional e tenta resolver a questão em casa, o que nem sempre é a melhor solução.

 

Entender para ajudar

No entanto, é fundamental entender o que é a dependência química e quais são suas principais características, seus principais sintomas e como ela afeta o dependente químico. 

Por isso, em relação a amigos e familiares, esteja sempre atento aos mínimos e primeiros sintomas de que o consumo de drogas, sejam elas naturais, semissintéticas ou sintéticas, saiu do controle e ajude na busca do tratamento adequado.

Quer conversar sobre o assunto? Agende uma consulta!

 

A Clínica Marcelo Parazzi

A Clínica Marcelo Parazzi pode ajudar se algum familiar estiver apresentando características da dependência química.

Nossa abordagem combina Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC), por meio de tratamentos tradicionais com psiquiatras, psicólogos e psicanalistas, e terapias complementares que comprovadamente auxiliam nos resultados do tratamento.

Oferecemos Terapia à Distância para pessoas que residem fora do país. Agende sua avaliação e dê o primeiro passo para a recuperação.

 

*este conteúdo foi publicado em outubro de 2018 e atualizado em março de 2024.

 

Teste - Saiba se você ou seu familiar é um dependente químico

ARTIGOS RELACIONADOS

Descobri que minha filha usa drogas, e agora?

“Descobri que minha filha usa drogas, e agora?” Qualquer pessoa, de qualquer idade, sexo, gênero ou poder aquisitivo, pode usar drogas e seu uso […]

Continuar Lendo

Perigos da dependência em jogos de apostas online

Com o avanço da tecnologia, os jogos de apostas online tornaram-se uma forma popular de entretenimento para muitas pessoas em todo o mundo. No […]

Continuar Lendo