Informação e conhecimento, tudo ao seu alcance!

4 fatos sobre a ansiedade que todos deveriam saber

4 fatos sobre a ansiedade que todos deveriam saber

Informações que nos ajudam a compreendê-la melhor.

A ansiedade ocorre como uma resposta natural do nosso organismo, assim que percebemos algo como uma possível futura ameaça. Ainda que sua finalidade seja a proteção, ao nos preparar para reagir ao perigo, os efeitos - quando ocorrem em excesso - podem se tornar desagradáveis e prejudiciais.

Alguns efeitos como respiração ofegante, inquietação e embrulho no estômago são provenientes da ansiedade, sendo queixas muito comuns em consultórios de psicologia.

É importante estar em alerta, pois a ansiedade pode se tornar um problema de saúde, que acarreta prejuízos nos relacionamentos pessoais e também no dia a dia.

Alguns sintomas, em conjunto com a constante preocupação, podem indicar que você precisa de ajuda profissional para lidar com a ansiedade, confira alguns deles:

  • Cansaço

  • Inquietação

  • Irritabilidade

  • Dificuldade em adormecer ou insônia

  • Tensão muscular

  • Dificuldade para se concentrar

Cabe ao psicólogo, durante a terapia, auxiliar o paciente a encontrar ferramentas que possibilitem lidar de maneira saudável com essas sensações e sintomas desagradáveis.

Em um primeiro momento, é comum que o profissional de saúde mental trabalhe a psicoeducação, isto é, uma contextualização que ajuda o paciente a identificar e entender melhor o que está sentindo.

 

Receba notícias em seu e-mail todo mês

 

Mesmo que seja presente no cotidiano de muitos, algumas pessoas desconhecem informações simples que podem auxiliar a reformular a maneira como entendemos a ansiedade. 

Confira abaixo 4 fatos sobre a ansiedade que nos ajudam a compreendê-la melhor:

 

1. Desagradável, mas necessária

Já imaginou como seria nunca sentir ansiedade? À primeira, vista pode parecer algo vantajoso. Porém, vale lembrar que a ansiedade serve não só como alerta para o perigo como também faz com que você tenha que se preparar para algo que está por vir.

Só para exemplificar: se não houvesse ansiedade não sentiríamos a necessidade de nos preparar para uma entrevista de emprego ou estudar para provas.

Ainda que ninguém queira sentir os efeitos da ansiedade, eles são indispensáveis. Desde que sejam com moderação e de maneira saudável, a ansiedade pode nos trazer resultados positivos.

 

2. Todos se sentem ansiosos

A ansiedade é sentida por todos. Ela é como uma “herança” que nossos ancestrais deixaram, afinal eles só conseguiram sobreviver a predadores e outras ameaças, ao longo de sua vida, devido à ansiedade que sentiam.

Sentir ansiedade é completamente normal em determinadas situações.

De acordo com um relatório da Organização Mundial de Saúde (OMS) de 2017, o Brasil é o país em que as pessoas mais sofrem de ansiedade em todo o mundo. Inclusive, este mesmo relatório apontou que 18,6 milhões de cidadãos brasileiros possuíam algum tipo de transtorno de ansiedade.

 

3. A ansiedade é temporária

A ansiedade, assim como qualquer outra emoção, é passageira. Por mais que durante os momentos extremos possa parecer um sentimento que não termina nunca, saiba que essa sensação passa em questão de minutos. 

Para ajudar a reforçar este fato, basta se lembrar de algum momento do seu passado no qual você se sentiu muito ansioso. No final, essas sensações desagradáveis sumiram depois de algum tempo, correto?

Aliás, caso não consiga suportar o tempo que a sua ansiedade leva para reduzir de intensidade, existem algumas táticas simples que podem ajudar como, por exemplo, a respiração diafragmática.

 

Artigos Relacionados

 

4. Quadros ansiosos costumam evoluir para a depressão

Entretanto, o estresse desencadeado pela ansiedade costuma evoluir para casos de depressão.

De acordo com especialistas, pessoas estressadas e que não se cuidam podem desenvolver uma ansiedade patológica e tornarem-se depressivas.

Aproximadamente 24% dos casos de ansiedade evoluem para depressão, e em 2% apenas, a depressão pode evoluir para um quadro ansioso.

De modo geral, a ansiedade é uma sensação importante e também necessária para o desenvolvimento de todos, portanto, não há motivos para se envergonhar, apenas deve-se buscar ajuda para saber como lidar melhor com ela.

Afinal de contas, provavelmente, você não se sentiria mal por procurar ajuda para tratar qualquer outro problema, como por exemplo um braço quebrado ou uma dor de cabeça. Um sofrimento psicológico não é menos importante do que aqueles físicos e nem merece menos atenção por isso.

Então, busque a ajuda de um psicólogo, assim você aprenderá novas formas de lidar e também responder a ansiedade. Encare uma psicoterapia como um processo de autocuidado, onde é necessária uma dedicação constante do psicólogo e também do paciente.

Ao cuidar de si mesmo, você poderá ter um equilíbrio emocional e conviver com a sua ansiedade sem problemas.

 

A Clínica Marcelo Parazzi

Além de se fundamentar na Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) e oferecer todo o tratamento tradicional por meio de psiquiatras, psicólogos e psicanalistas para tratar a ansiedade e outros transtornos, a Clínica Marcelo Parazzi também dispõe de Terapia Holística, que desenvolve estratégias terapêuticas como Reiki, Yoga, Meditação, Constelação Familiar e Mindfulness (Consciência plena), para auxiliar no alcance de melhores resultados nos tratamentos dos pacientes, que são, comprovadamente, grandes aliados na recuperação desses indivíduos.

Agende sua primeira consulta. Ela é gratuita e pode ser realizada via skype.

Quer saber mais sobre ansiedade, ou ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato conosco. Estamos à disposição para ajudar!