fbpx

Vício em apostas online: quando começar a se preocupar

Início > Blog > Vício em apostas online: quando começar a se preocupar

Vício em apostas online: quando começar a se preocupar

Desde crianças, somos impelidos a, de algum modo, participar de algum tipo de jogo.

Seja em brincadeiras, esportes ou mesmo na mais inocente atividade escolar, o nosso senso competitivo é instigado desde muito cedo, o que pode acabar por moldar seres humanos muitas vezes fragilizados, sem hábitos de resistência ao mundo dos jogos online.

Tudo isso se intensifica ainda mais diante de tantas propagandas de oportunidades de aparentes ganhos fáceis, com pessoas famosas e bem-sucedidas, nos incentivando a apostar mais e mais. Um ótimo convite à perda do próprio controle, especialmente para quem já possui certa tendência a apostar.

O problema é que o vício em apostas online se tornou uma realidade cada vez mais preocupante que afeta milhões de pessoas em todo o mundo.

Leia também Vício em jogos cresce no Brasil.

Muitos indivíduos estão sucumbindo a essa forma de dependência, que ainda é pouco assumida como um problema, mas que pode ter consequências devastadoras para suas vidas.

 

Vício em apostas online: como distinguir da diversão?

Mas quando efetivamente devemos nos preocupar? Como saber distinguir a diversão online do vício em jogos?

A linha que define o que é diversão e o que se caracteriza como vício é bastante tênue, e esse limite pode variar conforme cada um.

Há pessoas que inclusive passam várias horas jogando online, mas não são necessariamente viciadas em jogos. Outras, no entanto, podem desenvolver o vício em pouco tempo.

A diferença entre a diversão e o vício em apostas online está no fato de que o jogador compulsivo simplesmente não consegue parar de jogar, muitas vezes deixa sua rotina e as pessoas que o cercam, trocando absolutamente tudo por jogos.

Se você notar que tem dificuldades em se sentir bem quando fica sem jogar, ou conhece alguém que já gasta mais do que pode, apostando em jogos, ou ainda que acredite que vai recuperar o que perdeu, é bom ficar de olho, pois esses são sinais claros da dificuldade em se desvencilhar desse hábito e o vício já pode estar presente.

 

Problema antigo, facilidades atualizadas

O vício em jogos sempre foi um problema: desde as loterias, bingos, máquinas de caça-níqueis, carteados, roletas ou simplesmente jogos de dados.

Mas antigamente as pessoas precisavam se deslocar até os ambientes em que esses jogos existiam, e frequentar esse tipo de lugar era complicado, além de prejudicar a reputação das pessoas.

Hoje em dia, os cassinos online invadiram a internet, tanto pelos navegadores quanto por aplicativos, fato que permite que, a um mero clique, qualquer pessoa, indistintamente, tenha acesso a uma diversidade enorme de jogos online, sem qualquer controle eficaz nem do tempo que se passa jogando, muito menos de quanto se gasta com esses jogos.

Os jogos de apostas online abrangem uma ampla gama de atividades, desde apostas esportivas até jogos de cassino e pôquer.

O acesso fácil e gratuito (ao menos inicialmente) a esses sites por meio de dispositivos eletrônicos, como computadores e smartphones, tornou mais conveniente do que nunca participar dessas atividades de apostas. 

 

Como funcionam os jogos online

Os jogos de apostas online funcionam por meio de algoritmos e software complexo que simulam os resultados de eventos esportivos, jogos de cassino e outras formas de apostas. 

Os resultados são determinados por um gerador de números aleatórios, garantindo uma experiência aparentemente justa e imparcial.

Incluem uma variedade de opções, como, por exemplo, tentar ganhar prêmios em bingos ou loterias, ou tentar prever resultados de eventos esportivos, como futebol, basquete e corridas de cavalos.

Existem ainda os jogos de cassino online, que funcionam mais deliberadamente como os clássicos jogos de azar, como roleta, blackjack, caça-níqueis e pôquer.

Atualmente há também outras opções, nas quais o jogador pode vencer ao tentar gerar um resultado aleatório, localizar os prêmios do jogo, ou tentar prever quando o jogo acabará. É o caso de jogos já bastante popularizados, como os de foguetinho ou campo minado, bem como de todas as suas mais diversas e incontáveis variações.

 

Artigos Relacionados

 

Como existe vício em apostas online se jogos de azar são proibidos no Brasil?

Embora os jogos de azar sejam proibidos no Brasil, pelo Decreto-lei 9.215 de 30/04/1946, existe um outro, o Decreto-lei 13.756/2018 que abre brecha para o funcionamento dos sites de apostas no país.

As regras válidas para essas empresas são as dos países de origem e não as do Brasil e estas agem no sistema de cota fixa, aprovado no segundo decreto citado.

Isso permite que os brasileiros acessem e participem dessas plataformas sem enfrentar consequências legais diretas.

 

Como o vício em apostas online ocorre

A dependência de jogos de apostas online é uma condição complexa que se desenvolve ao longo do tempo.

Trata-se de uma combinação de fatores genéticos, ambientais e psicológicos contribuindo para seu surgimento, mas que pode ser favorecida por uma diversão mal regulada.

Nunca é demais reforçar que qualquer hábito de jogo pode se tornar dependência, e toda dependência – seja ela relacionada a substâncias como álcool, drogas, ou jogos online – começa pela curiosidade de experimentar algo novo e é intensificada pelo prazer que causam.

A repetição do comportamento de consumo vira um hábito nocivo, que torna o indivíduo dependente, tanto emocional quanto fisicamente, gerando compulsão e sofrimento extremo quando não pode jogar, por exemplo.

 

Uma dependência como todas as outras

Os jogos online possuem as mais variadas plataformas e contam com recursos, que além da oferta de bônus por logins em dias sucessivos, oferecem a possibilidade de receber parte do dinheiro de volta para continuar apostando.

Tudo minuciosamente pensado para manter o jogador conectado e engajado o maior tempo possível.

Assim como em outras dependências, no vício em apostas online os jogadores experimentam um aumento gradativo da tolerância, levando a uma necessidade crescente de jogar mais para alcançar o mesmo nível de excitação.

Além disso, a abstinência pode resultar em sintomas físicos e psicológicos desagradáveis, incentivando ainda mais o comportamento compulsivo de jogo e tornando o tratamento uma necessidade para o jogador.

 

Similaridades entre vício em apostas online e dependência química

O vício em apostas online compartilha várias semelhanças com a dependência química, incluindo a necessidade crescente de jogar, sintomas de abstinência quando não é possível jogar, e comprometimento das relações pessoais familiares e sociais, profissionais e financeiras.

Em ambos os casos, podem ocorrer alterações químicas no cérebro, associadas ao hábito de consumo (tanto de jogos quanto de substâncias químicas), em que há comportamentos compulsivos envolvidos, e uma demanda de tratamento a ser levada a sério.

Por mais que possa parecer mera diversão, os jogos online, mais que passar o tempo, podem trazer consequências desastrosas à vida de qualquer um.

 

Sintomas do vício em apostas online

Confira alguns dos sintomas de dependência de jogos online. Vale enfatizar que, no início, esses sinais podem ser muito sutis, mas precisam ser notados a tempo.

 

1. Descontrole sobre o tempo e dinheiro gasto

Os jogadores podem ignorar responsabilidades pessoais e profissionais em favor de passar mais e mais horas jogando.

Outro ponto de atenção que indica isso é quando o indivíduo fica encontrando desculpas para jogar, como recuperar o dinheiro perdido, tentar multiplicar determinada quantia, ou mesmo para desestressar.

 

2. Priorização do jogo em detrimento de responsabilidades pessoais e profissionais

Os dependentes começam a se isolar com muito mais frequência, chegando a cortar totalmente os relacionamentos interpessoais, trocando-os pelas horas online.

Com isso, os relacionamentos podem ser drasticamente prejudicados, e o desempenho no trabalho ou na escola pode diminuir devido à falta de concentração e comprometimento.

 

3. Problemas financeiros

Além de outros problemas, o jogo compulsivo pode levar também a problemas financeiros graves, incluindo dívidas, perda de emprego e até falência. Os jogadores podem gastar quantias significativas de dinheiro em apostas, buscando a emoção do jogo e tentando recuperar perdas anteriores.

O fato é que, mesmo que o jogador possa eventualmente ganhar algum dinheiro com apostas, as bancas são previamente programadas para vencer qualquer pessoa. Ou seja, você fatalmente depositará um dinheiro que raramente verá de novo.

Isso se os métodos de saque da plataforma também não retiverem seu dinheiro, pois várias plataformas só permitem saques a partir de quantias altíssimas, o que prende o dinheiro do jogador, para que ele continue apostando e, consequentemente, perca todo o valor que depositou, sendo necessários sucessivos depósitos. Uma estrada sem fim para a ruína total.

 

Tratamento

O tratamento para dependência de jogos online pode variar conforme cada caso, mas geralmente envolve uma combinação de terapia individual e em grupo, suporte emocional, e, em alguns casos, medicação para tratar sintomas de ansiedade e depressão associados ao vício.

Contudo, os profissionais envolvidos podem avaliar melhor as condições e, se for o caso, podem ser necessárias intervenções mais graves, como internações em clínicas de reabilitação.

Quer conversar sobre o assunto? Agende uma consulta!

 

Clínica Marcelo Parazzi

A Clínica Marcelo Parazzi pode ajudar se você ou algum familiar tem sofrido com vício em apostas online.

Nossa abordagem combina Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC), por meio de tratamentos tradicionais com psiquiatras, psicólogos e psicanalistas, e terapias complementares que comprovadamente auxiliam nos resultados do tratamento.

Oferecemos Terapia à Distância para pessoas que residem fora do país. Agende sua avaliação e dê o primeiro passo para a recuperação.

ARTIGOS RELACIONADOS

O que é depressão

Conhecida atualmente como o “mal do século XXI”, a depressão é uma das condições de saúde mental mais comuns e debilitantes do mundo, e […]

Continuar Lendo

Crise de ansiedade: 5 dicas para controlar um desequilíbrio súbito

As crises de ansiedade já podem ser consideradas um dos maiores males da atualidade.  Hoje em dia, tornou-se praticamente impossível não pertencer a essas […]

Continuar Lendo